Não olhe para baixo, você vai querer pular

Sala Tônia Carrero

Escrito por Pedro Murad, “NÃO OLHE PRA BAIXO, VOCÊ VAI QUERER PULAR” é uma comédia que trata das dificuldades inerentes aos tempos atuais: solidão, pressão para alcançar o padrão de felicidade e sucesso estabelecidos, falta de comunicação e sinceridade nas relações, frustração e depressão. Temas fortes, mas abordados com humor, o meio mais leve e eficaz de registrar situações difíceis do cotidiano e buscar métodos mais criativos de resolvê-las. Os protagonistas são dois trabalhadores que não suportam mais a pressão da vida contemporânea e decidem desistir. Vão ao alto do arranha-céu em que trabalham, em uma grande cidade, dispostos a se jogarem de lá. Casualmente, se enc ontram nesse exato momento. A partir daí, situações cômicas e inesperadas acontecem e deflagram um diálogo em que a sociedade contemporânea é retratada em seus múltiplos e neuróticos aspectos.

Júlia Rabello é atriz com experiência em espetáculos de dramaturgia e musicais. Marcos Veras é um dos expoentes da nova geração de humoristas brasileiros e Duda Ribeiro, diretor do espetáculo – também escritor e ator -, é um dos ícones do humor carioca.


AUTOR: Pedro Murad

DIREÇÃO: Duda Ribeiro

ASSISTENTE DE DIREÇÃO: Saulo Aride

DIREÇÃO DE MOVIMENTOS: Ana Paula Bouzas

ILUMINAÇÃO: Russinho

ASSISTENTE DE ILUMINAÇÃO: Dum Marino

CENOGRAFIA: Claudio Torres Gonzaga

ASSISTENTE DE CENOGRAFIA: Cecília Cabral

CENOTÉCNICO: André Salles

FIGURINO: Helena Araújo

FOTÓGRAFO: João Salamonde

FILMAGEM: Candé Farias

TRILHA SONORA: Eduardo Reis

OPERADOR DE SOM: Jorge Filhu

OPERADOR DE LUZ: Jarbas Sardinha

MARKETING DIGITAL E PROGRAMAÇÃO VISUAL: MOBster

ASSESSORIA DE IMPRENSA: Barata Comunicação

ASSESSORIA DE IMPRENSA MARCOS VERAS: MCAtrês

DIREÇÃO DE PRODUÇÃO: Alina Lyra e Julia Rabello

PRODUÇÃO EXECUTIVA: Ágatta Marinho

ASSISTENTE DE PRODUÇÃO: Marcela Epprecht

PRODUÇÃO e ADMINISTRAÇÃO: Alkaparra Produções

REALIZAÇÃO: Ideias Realizações Culturais (Júlia Rabello e Marcos Veras)



1 comentários
  • rRAFFAEL PERDIGÃO disse 9 de fevereiro de 2012 às 10:38

    ESSA PEÇA É UMA MISTURA DE DRAMA, SUSPENSE E COMEDIA, ENFIM, UMA ÓTIMA E SENSACIONAL PEÇA, SUPEROU MINHAS EXPECTATIVAS, É MELHOR DO Q PENSAVA, PARABÉNS AO ELENCO E PRODUÇÃO

Deixe seu comentário