Nem Um Dia se Passa sem Notícias Suas

Sala Tônia Carrero

Edson Celulari volta aos palcos cariocas com texto escrito por Daniela Pereira de Carvalho. No palco, ao lado de Pedro Garcia Netto, seu sobrinho na vida real, os atores vivem dois irmãos que tentam acertar seus ponteiros com o tempo.

O texto, inédito e instigante, promove o encontro de duas gerações artísticas diferentes, e foi escrito exclusivamente para os atores. Esse  é “Nem Um Dia se Passa sem Notícias Suas”, que estréia no Teatro do Leblon no dia 08 de setembro. Com sólida carreira no Teatro, no Cinema e na TV, Edson Celulari encena ao lado de Pedro Garcia Netto, mais um talento da nova geração, um espetáculo dinâmico e emocionante, dirigido por  Gilberto Gawronski.

Joaquim, um bem sucedido cirurgião, por volta de cinqüenta anos de idade, acabou de perder o pai e se prepara pra entregar as chaves da casa para os novos donos…. Ele já havia perdido a mãe há alguns anos e, agora, tem que se desfazer de todas as coisas que pertenciam a eles – a casa, a coleção de discos, as lembranças todas.

Joaquim tem, à sua volta, Juliano, seu irmão caçula…e Miguel, seu filho emo. Entretanto, nesse momento de mudanças extremas, uma surpreendente revelação emerge: um suicídio que ocorreu há cerca de vinte anos.

Nesse jogo entre atores e platéia, teremos a possibilidade de repensar a família, suas mutações e suas esperanças.

Um lugar  onde  “o presente  foge,  o passado volta  e o  futuro passa”……….. é esse o mundo recriado de forma sensível e contundente por Daniela Pereira de Carvalho .


Autora: Daniela Pereira de Carvalho
Direção: Gilberto Gawronski
Elenco: Edson Celulari e Pedro Garcia Netto
Cenografia: Gilberto Gawronski
Figurinos: Nelo Marrese
Iluminação: Paulo Cesar Medeiros
Trilha Sonora: Rodrigo Marçal
Design Gráfico: Daniel Gnattali
Direção de Corpo: Márcia Rubin
Produtor Executivo: Junior Dominoni
Produção Geral: Elvira Celulari



23 comentários
  • Essa peça promete ser muito boa,garanto que o público vai ADORAR !!!

  • TODOS AQUI DE NOVA FRIBURGO ESTAMOS DESEJANDO ”MERDA”PARA VCS.QUE DEUS OS ABENÇOE!

  • Prezados,
    Gostaria de receber o contato da assessoria de imprensa da peça “Nem um dia se passa sem notícias suas”.
    Obrigada.

  • A peça vai num crescendo, caminhando pela seriedade da perda e pela emoção das lembranças, intercalada com situações e relações que nos fazem rir pela naturalidade como sao representadas e que sao a realidade de muitos de nos. Quando entra em cena o filho Miguel a peça dá uma reviravolta com as descobertas e o encanto que existe nas lembranças boas e tristes de uma vida. Suavemente, embalam a platéia. Logo em sequência vem o drama do personagem, que emociona e choca, porque nós, não exatamente com a mesma intensidade que o protagonista, muitas vezes, nos descobrimos a passear de mãos dadas com as nossas lembranças vivas de uma história que acabou.

    ( Texto de RBaccelli )

    .

  • Gente, pq quinta-feita às 18h? Surreal

  • Prezada Camila,
    O contato da assessoria de imprensa da peça “Nem um dia se passa sem notícias suas” é
    cinelari@uol.com.br

  • Estou querendo o contato da produção. E possivel passar o contato ??

  • ola !!! acabei de assistir a peça hj as 20 hs , ao lado da grande estrela Arlete sales , a peça maravilhosa com uma emoçao enorme parabens Edson e Pedro !!!!!

  • Ótimo texto, excelente atuação. Parabens aos atores.

  • parabens, lindo espetaculo.

    Durante o espetaculo sao recitadas algumas poesias, queria que me enviasse por email quais poesias de Carlos Drumond sao recitados nesta peca.

    obg.

    valeu.

    Parabens.

    moaci novaes jr.

  • Gostaria de saber se a peça ainda estará em cartaz no dia 25 de novembro

  • Prezada Alessandra,
    Infelizmente a peça já saiu aqui do Teatro do Leblon!

  • Gostaria de fazer uma entrevista com EDSON CELULARI para a REVISTA DO CRECI-MINAS contando como era sua carreira antes da fama, ja que era corretor de imóveis. Como faço para conseguir os contatos da assessoria dele?
    Aguardo e obrigada.

  • Prezada Carla,
    O contato da assessoria de imprensa da peça “Nem um dia se passa sem notícias suas” é
    cinelari@uol.com.br

  • Acabei de ver a peça em Campinas – Teatro Amil – um grande espetáculo, tocante, verdadeiro … e a interpretação dos 2 … demais!

  • Andréa Petinati disse 20 de novembro de 2011 às 0:50

    Amei a Peça…Que História…nos faz pensar e repensar na Vida .Parabéns´. Gostaria de ter acesso aos Trechos da Obra de Drumont….Maravilhoso.
    Andréa – Campinas

  • Andreia Zambonini disse 22 de novembro de 2011 às 14:03

    Boa tarde, adorei a peça e gostaria muito de saber o nome da música que toca em vários momentos do espetáculo.
    Haveria essa possibilidade??
    Muito obrigado

    Itatiba/SP

  • Prezada Andreia, não temos essa informação mas o contato da assessoria de imprensa da peça “Nem um dia se passa sem notícias suas” é
    cinelari@uol.com.br.

  • Achei a peça um lixo!!! O tema ridículo. Falta de criatividade!!! Odiei!! Acho que o Edson deveria rever sua vida pessoal e fazer uma peça sobre sua separação. Daria umas 5 horas de historinha global!!!!rsrsrs

  • Kellen Sant'Anna disse 21 de janeiro de 2012 às 0:02

    Assisti a “Nem um dia se passa sem notícias suas” em Niterói no dia 20/01/2012. O que posso dizer??? Deliciosa, emocionante demais…Elenco formidável! A mistura do veterano Edson com o Pedro Garcia dessa nova geração… FOI UMA ESCOLHA IMPECÁVEL! Parabéns Daniela, Edson, Pedro e a cada um da equipe de produção… Obrigada por esse grande espetáculo!!!

  • LÚCIA ARMOND disse 8 de abril de 2012 às 9:35

    Assisti a peça aqui em Brasília e foi maravihosa. Chorei, chorei muito. Quem já passou pela experiência de perder o pai ou a mãe, sabe que é exatemente assim. A dor, a saudade, as lembranças, passado, presente e futuro, se alteram o tempo todo. Diálogos sensíveis e criativos. Atores que souberam transmitir a mensagem. Parabéns.

  • Fernanda Faria Ramos disse 15 de abril de 2012 às 14:18

    Assisti essa peça ontem (14/04/2012) no teatro Alberto Maranhão na cidade de Natal. Fiquei encantada!! Um texto muito bem escrito, atores foram ótimas, enfim… tudo muito bom. Parabéns!!

  • Newton Agrella Carvalho disse 10 de junho de 2012 às 19:52

    Monótona, sem graça e de um vazio sem tamanho a peça estrelada por Edson Celulari e Pedro Garcia Netto, com linguagem semi-coloquial evocando por hora alguns trechos de Carlos Drummond de Andrade e de vez em quando alguns palavrões fora sintonia que nada acrescentam a mediocridade do texto. O pseudo-intelectualismo que se pretende imprimir a obra é muito mais em função da importância do Ator Edson Celulari do que pela peça em si. A própria reação apática da platéia responde por si só o resultado da

Deixe seu comentário